concursos

concursos

Expansão do Museu do Meio Ambiente | 2010 | Rio de Janeiro, RJ

industrial

expografia

urbanismo

patrimônio histórico

serviços

institucional

habitação

Concurso promovido pelo Jardim Botânico do Rio de Janeiro - Ministério do Meio Ambiente e organizado pelo IAB - RJ para o conjunto denominado Expansão do Museu do Meio Ambiente, localizado no próprio Jardim Botânico.

 

Objetiva responder às necessidades programáticas/funcionais e transformar o espaço agregando valores e significados, potencializando as condições disponíveis. Adota a geo-referência na identidade do lugar (vertente sul do Maciço da Tijuca – Corcovado, Dois Irmãos e Lagoa Rodrigo de Freitas). O partido preserva e evidencia eixos estruturadores e os espaços externos e volumetrias das novas construções são definidos por referências com o Eixo Central e o de Acesso. A Praça de Acesso, acolhimento e distribuição dos fluxos, prolonga-se até a Praça Central através de duas esplanadas laterais. Nos espaços livres, balizamentos serão construídos para criar referências, definir espaços e direções.

 

As novas construções adotam linguagem contemporânea marcando a intervenção; privilegiam questões da paisagem, marcos visuais eixos estruturadores e fluxos de visitação, além das técnicas construtivas e possibilidades expressivas dos materiais. O tema da sustentabilidade foi incorporado tecnicamente, entende a obra como processo que implica ações anteriores e pós-construtivas. Evitou-se a “estética da sustentabilidade”.

 

O MuMA-Exposições resulta das referências com os eixos estruturadores e o edifício existente. O plano de acesso parte da Praça e se desenvolve pelo espaço entre o existente e a ampliação; a entrada do público será pelo novo bloco e o antigo acesso permanece como arquitetura preservada. A articulação dos blocos será por passarelas no 1º e 2º pavimento. A fachada da Praça tem como referência o Centro de Visitantes e amplia a visibilidade do edifício antigo. O programa distribui-se em 4 pavimentos limitados à altura de 15 metros, com espaços expositivos nas áreas centrais; o Átrio da Escada está integrado ao Arboreto e na cobertura há um terraço para eventos e mirante da paisagem. O MuMA-Administração integra a Praça Central. É um pequeno pavilhão com dois pavimentos em forma de paralelograma. Duas empenas estruturais opostas definem o sistema construtivo e as fachadas Norte e Sul são resolvidas com caixilhos e vidros serigrafados.

 

equipe

Eduardo Colonelli, Eduardo Gurian

 

 

rua cardeal arcoverde 1749 cj 107 | pinheiros | cep 05407-002 | são paulo sp brasil | +55 11 3257 3620 | epaulistano@epaulistano.com.br